Receba as nossas atualizações em seu email.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Meninas Fantásticas? Nem tanto...

Finalistas do concurso são flagradas sem "armadura" e se mostram "não tão fantásticas".

He He, começou a edição 2010 de Menina fantástica e todos os marmanjos que anualmente (desde 2008) aguardam ansiosos para assistir um novo quadro (além do de Esporte, claro) já podem pular de alegria.
Mesmo sabendo que um novo rosto da moda brasileira está para ser revelado em pouco tempo (acredite, isso é importante pra algumas pessoas) a audiência masculina só tem olhos mesmo é para as curvas da garotada – que esse ano nem são tantas assim.

Como todos sabem (ah, você não sabe? Tudo bem, ninguém precisa dessa informação pra viver) o objetivo do projeto é rodar todo o Brasil em busca do “rosto perfeito”, aquele com os “traços” diferentes, que muita gente que não entende (isto quer dizer 90% da população brasileira) acha que é feio.

Nas duas primeiras temporadas, o concurso mexeu com o sonho de milhares de gatinhas brasileiras. As vencedoras foram a gaúcha Regina Krilow (meio chôcha), na primeira edição, e a também Rafaela Gewehr (melhorzinha), no ano passado.

O Menina Fantástica 2010 começa por Porto Alegre e teremos dez cidades. Neste ano, a gente vai incluir Salvador e Belém. A capital do Pará vai participar pela primeira vez. As candidatas devem ter entre 16 e 25 anos para participar. A idéia do quadro é descobrir novos talentos para o mercado de moda. Então, ter experiência ou não é irrelevante. É preciso vencer a concorrência na hora, explica Celso Lobo ao site da globo.


A caravana do Menina Fantástica 2010 contou com três ônibus, que viajaram por mais de 200 municípios durante 4 meses país a fora à procura de um novo rosto para a moda internacional. 50 gracinhas foram selecionadas para a semifinal e posteriormente 16 beldades se classificaram para a final.
Confesso que nessa edição eu achei que os olheiros da Agência Mega (empresa organizadora do concurso) acertaram em quase todas as meninas, mas convenhamos, quem não tem a curiosidade de saber como são essas “cuti-cutis” são por baixo daquelas “armaduras” – putz, tem umas garotas que parecem que estão com quilos de pó no rosto...

Seus problemas acabaram!

A hora é mais que oportuna para plagiar o slogam dos cassetas, pois realmente eu achei fotos das gurias sem maquiagem – tudo bem que não vai
mudar nada em nossas vidas essa informação, mas bem que é legal dar uma olhada no “shape” dessa mulherada “na real”. As imagens estão espalhadas pelo post.

Nenhum comentário:

Postar um comentário