Receba as nossas atualizações em seu email.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Feios - crítica

Sinopse que instiga e conteúdo que não cativa. Uma pena.


Sinopse:

Tally está prestes a completar 16 anos, e ela mal pode esperar. Não por sua carteira de motorista – mas para se tornar bonita. No mundo de Tally, seu aniversário de 16 anos traz uma operação que torna você de uma horripilante pessoa feia para uma maravilhosa pessoa linda e te leva para um paraíso de alta tecnologia onde seu único trabalho é se divertir muito. Em apenas algumas semanas Tally estará lá.

Mas a nova amiga de Tally, Shay, não tem certeza se ela quer ser bonita. Ela prefere arriscar sua vida do lado de fora. Quando ela foge, Tally aprende sobre um lado totalmente novo do mundo dos bonitos – que não é tão bonito assim. As autoridades oferecem a Tally sua pior escolha: encontrar sua amiga e a entregar, ou nunca se transformar em uma pessoa bonita. A escolha de Tally faz sua vida mudar pra sempre.

Crítica por Marina Moura:

Os livros de ficção científica e futurísticos quase nunca passam pela minha lista de livros a serem lidos. Porém esse gênero vem crescendo cada vez mais no mercado literário e eu não poderia me manter á margem dessa nova tendência.

A história se desenrola em um futuro onde todos os humanos são considerados feios até que completam dezesseis anos e sofrem a cirurgia que lhes transformará em seres “perfeitos”.

A premissa de Westerfeld é óbvia e sua crítica á sociedade visual que vivemos atualmente também. A sinopse é daquele tipo que deixa você louco para comprar o livro e a capa daquelas que você quer ter em sua estante de livros. O verdadeiro problema é que o livro não conseguiu me cativar.

Embora ache todo o ponto de vista do autor louvável, o plot do livro em sua essência não conseguiu prender minha atenção ou me causar verdadeira emoção durante a leitura. Primeiro que o livro demora a realmente começar. A leitura meio que se arrasta até o meio do livro e a única coisa que me fez continuar a leitura (e talvez aí esteja o grande trunfo do autor) é saber onde toda aquela confusão de informações iria acabar.

O livro só engrena mesmo no final. O romance durante a história é escasso e mal explorado, alguns autores deveriam se abster de tentar acrescentar algum romance em suas histórias.

A minha conclusão é que o livro poderia ter tido menos páginas e uma escrita mais objetiva. E eu definitivamente me decepcionei com o final, pois embora esteja ciente de que existe uma seqüência, acho difícil que esse final possa ser modificado nos próximos livros da série.

De qualquer forma não desistirei da série Feios ainda. Veremos como se sai o segundo livro da trilogia, Pretties (algo como Bonitos em inglês) e ver se dessa vez o autor consegue me entediar menos e me encantar mais.

Informações úteis

  • Titulo do Livro: Feios
  • Autor: Scott Westerfeld
  • Ano: 2010
  • Número de páginas: 416
  • Editora: Galera Record
  • Avaliação: 6
  • Texto postado também em: Minha vida por um livro

Nenhum comentário:

Postar um comentário